Sinfônica da Unicamp com Octavio Más-Aroca - 27/02/2013 - Campinas

 No dia 27 de fevereiro, quarta-feira, o regente espanhol Octavio Más-Aroca estreia temporada artística da Sinfônica da Unicamp no Teatro Castro Mendes, em Campinas.


 Repaginada, a Orquestra está com um conjunto de ações que irá proporcionar a interatividade de públicos dentro e fora da universidade; no concerto de abertura, obras de Igor Maia, Domenico Cimarosa e Beethoven; ingressos à venda


 Com um maestro espanhol, dois solistas brasileiros e um repertório sedutor, que une as pontas do clássico ao contemporâneo, a repaginada Orquestra Sinfônica da Unicamp (OSU) estreia sua temporada artística no próximo dia 27.
 Sob a regência de Octavio Más-Arocas – que já atuou como assistente do emblemático Kurt Masur –, a OSU apresenta De Profundis, de Igor Maia (aluno de pós-graduação da Unicamp); o Concerto para 2 Flautas, de Domenico Cimarosa (1749-1801), com solos de Rogério Peruchi e Lucas Martinelli de Lira, e a Sinfonia nº 7 em lá maior, de L. v. Beethoven (1770-1827).
 A vinda de Más-Arocas ao Brasil integra o programa do Artista Residente – uma parceria entre o Centro de Integração, Documentação e Difusão Cultural (Ciddic) da Unicamp e o Departamento de Música do Instituto de Artes. Ele também irá atuar no Departamento de Música, na área de regência orquestral, e na disciplina de Prática Orquestral do curso de graduação em Música.

O maestro
 Nos Estados Unidos, Octavio Más-Arocas é diretor musical das orquestras e regente de ópera da Lawrence University e do Lawrence Conservatory of Music.
 Escolhido pelo renomado maestro Kurt Masur, Más-Arocas foi premiado com a bolsa de estudo Felix Mendelsohn-Bartoldy, em 2010. Em setembro de 2011, viajou para a Europa e trabalhou como assistente de Masur junto à Orquestra Leipzig Gewandhaus e à Orquestra da Rádio de Helsinki.
 Fez sua estréia como regente na Alemanha, partilhando o pódio de regente com o maestro Masur frente à Orquestra Sinfônica de Leizig.
 Como aluno da Academia Americana de Regência em Aspen, Más-Arocas ganhou o prêmio Robert J. Harth de regência em 2008.  Recebeu também diversos outros prêmios: primeiro lugar no Terceiro Concurso de Regentes Europeus (2005), ganhador do concurso para regentes da Orquestra Jovem Nacional da Espanha; assim como o prêmio “Thelma A. Robinson” do “Conductors Guild” (2007).
 Nos últimos anos, Más-Arocas esteve à frente de orquestras da America do Norte, América do Sul e Europa, com sucesso de público e crítica.
 À frente da Orquestra da Interlochen Arts Academy, regeu importantes solistas e obras de conceituados compositores contemporâneos, como Leonard Slatkin, Steven Stucky (ganhador do Prêmio Pulitzer), do violoncelista Joshua Roman, e da tubista Carol Jantsch.
 Entusiasta da nova música, Más-Arocas encomendou e estreou obras dos compositores Steven Stucky, Jennifer Higdon, Joan Tower, Samuel Adler, Chen Yi, Michael Daugherty, John Harbison, entre outros.



Data: 27/02/2013 (quarta-feira)
Horário: 20h00
Praça Correa de Lemos, s/n - Vila Industrial - Campinas/SP

Serviço
Orquestra Sinfônica da Unicamp
Regência: Octavio Más-Arocas
Solistas: Rogério Peruchi e Lucas Martinelli de Lira (flautas)

Programa:
Igor Maia - De Profundis
Domenico Cimarosa – Concerto para 2 Flautas,
L. v. Beethoven – Sinfonia nº 7em lá maior

Ingressos:
Inteira: R$ 20,00
Meia: R$ 10,00

Mais Informações:
Maria Claudia Miguel (Cacau): (19) 9743-2142
Teatro (19) 3272-9359




Comentários