Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas - 01/05/2022 - Campinas

 A Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas apresenta no dia 1º de Maio, Dia do Trabalhador, concerto gratuito, na Concha Acústica do Taquaral. O maestro convidado é Eder Paolozzi, regente titular da Nova Orquestra e da Funk Orquestra.

 No repertório, obras de Carlos Gomes, clássicos, músicas românticas e seleção de sambas.



 O concerto inicia com a “Abertura da Ópera Fosca”, uma das mais importantes obras de Carlos Gomes. Fosca é a segunda ópera de Gomes, quando apresentada no Teatro alla Scala de Milão, fez tanto sucesso que teve quinze recitais. Esta obra de 1873, foi dedicada ao seu irmão José Pedro de Sant’Anna Gomes.
 A apresentação segue com as ‘Danças Polovetsianas’, da ‘Ópera do Príncipe Igor’, do compositor Aleksandr Borodin. Ele, como tantos outros compositores, tornou-se conhecido do grande público por adaptações de suas obras para canções populares. Os norte-americanos Robert Wright e George Forrest, adaptaram “Dança Deslizante das Donzelas” desta ópera em “Stranger in Paradise”, para o musical Kismet, canção esta que teve muito sucesso na voz de Tony Bennett.
 Na sequência, será a vez das ‘Danças Eslavas’ de Antonin Dvorák, que trazem os ritmos das músicas folclórica da Morávia e da Boêmia, sua terra natal. Para alguns críticos, sua obra é a mais completa recriação de uma linguagem nacional no estilo sinfônico tradicional.
 As ‘Danças Húngaras’ de Johannes Brahms, acompanham o compasso da alegria e são baseadas em temas húngaros concluídos em 1879. As ‘Danças’ estão entre as obras mais populares de Brahms e foram as mais lucrativas para o compositor.
 No programa também consta uma das valsas mais ouvidas no mundo: a famosa ‘Danúbio Azul”, de Johann Strauss II. O compositor entrou para a história da música clássica como o "Rei da Valsa". Sua fama sobreviveu ao tempo. Ainda hoje é lembrado pelos acordes de "No Belo Danúbio Azul", usados na trilha sonora do clássico do cinema "2001 - Uma Odisséia no Espaço'' (1968), filme de Stanley Kubrick (1928-1999), um dos maiores diretores do mundo.
 A "Marcha Radetzky" (que é do Johann Strauss I, o pai do Strauss II) também está no repertório. Ela foi composta e dedicada ao Marechal de Campo Joseph Radetzky von Radetz. Foi apresentada pela primeira vez em 31 de agosto de 1848 em Viena e logo se tornou popular entre os soldados em marcha.
 As obras do compositor e arranjador brasileiro, Cyro Pereira, também serão apresentadas a partir de temas de Tom Jobim: as ‘Jobimnianas’ e também as fantasias sobre obras de Luiz Gonzaga em sua ‘Gonzaguianas’. Cyro Pereira foi o maestro dos famosos Festivais da Record e cofundador da Jazz Sinfônica.
 Para encerrar, a ‘Seleção 3 Sambas’, com arranjo do maestro e compositor brasileiro Luiz Arruda Paes. “Destaque para os sambas ‘Marina’, de Dorival Caymmi; ‘Samba de Verão’, de Marcos Valle e ‘Aquarela do Brasil', de Ary Barroso.

Fonte: Assessoria de Imprensa.



    


📅   Data: 01/05/2022 (domingo).

🕜   Horário: 18h00.

⇒   Local: Concha Acústica - Parque Portugal
Endereço: Av. Dr. Heitor Penteado, s/nº (Portão 3) - Taquaral - Campinas/SP

$   Entrada: Gratuita.

☒   Classificação Etária: Livre.

☏   Mais Informações: (19) 2116-0951.

Os eventos divulgados são de responsabilidade exclusiva dos próprios Organizadores, os quais são os únicos responsáveis por estabelecer as condições de venda, realização e cancelamento dos eventos, obedecendo a legislação em vigor, dentre elas eventuais Decretos Federais, Estaduais e/ou Municipais que autorizem a realização de eventos.
 

Comentários